Blog

Acompanhamento nutricional na gestação. Por que? Pra que?

April 28, 2016

Quando a mulher descobre que está grávida o coração parece explodir de alegria, mas junto com toda a felicidade vem uma série de preocupações, porque a partir daquele momento a futura mamãe começa a perceber que tudo o que acontece com ela reflete em seu bebê.

 

E não é por menos, o organismo passa pela maior fase de transformação e adaptação que um indivíduo pode sofrer, sendo que o estado nutricional da gestante antes e durante a gravidez repercute diretamente no desfecho da gestação.

 

As principais mudanças corporais são:

 

- Aumento do gasto energético, principalmente na segunda metade da gestação;

- Mudanças no metabolismo dos carboidratos, com aumento da produção da insulina e maior resistência a este hormônio, fazendo com que a gestante possa apresentar diabetes gestacional;

- Também ocorre uma alteração no metabolismo das gorduras, fazendo com que a gestante armazene mais este nutriente, principalmente na primeira metade da gravidez;

- Os efeitos hormonais fazem com que a mulher produza mais saliva, apresente enjoos, vômitos, refluxo e azia;

- No sistema circulatório o sangue fica mais diluído, podendo reduzir em até 20% a contagem das hemoglobinas plasmáticas, portanto pode ser que a gestante apresente uma leve anemia ao final da gestação, surgindo sintomas como  falta de ar e maior cansaço ao esforço.

 

Diante deste quadro é imprescindível que a gestante tenha um acompanhamento nutricional e adote praticas saudáveis, afinal de contas o que todas nós queremos é  ter uma gravidez tranquila, e receber nos braços um filho com muita saúde, envolto em amor e carinho.

 

 

 

Please reload

Featured Posts

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Archive
Please reload

Follow Me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Pinterest Icon

Rua Loefgren, 1304, cj 71, Vila Clementino - São Paulo - SP

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon